Como exibir os vermes intestinais em humanos: seis condições de sucesso

Como exibir os vermes intestinais em humanos? Isso depende da classe e do tipo de helmintos.

como exibir os vermes com o corpo

Medicamentos e esquemas de tratamento variam de acordo com a doença. É por isso que é tão importante diagnosticar, qual seja, estabeleceu-se um parasita no corpo humano, em que, especificamente, o órgão se encontra e que tipo de perigo representa a sua obra (e também os produtos desta vida).

Exibir rapidamente uma vermes intestinais em humanos é possível uma abordagem integrada para a resolução do problema.

Como trazer a pessoa sem-fins classe lombrigas (ancilostomídeos)

Para retirar os sem-fins de classe nematóides (ascaridíase, toxocariasis) em adultos, aplicam-se albendazole, mebendazol (comprimidos), para crianças de tenra idade – suspensão de albendazoleа ou Pyrantel. Eles não causam efeitos colaterais. Portanto, o tratamento é realizado em casa. Como é feito?

Primeiro é realizado um curso preparatório destruir os vermes: sorbents, enzimas, durante a semana. A seguir, deve ser o prato principal de tratamento, dependendo do nosologia da e do peso do paciente. Recomenda-se beber líquidos antes de mais 2 litros por dia, a rejeição de doces e alimentos gordurosos. A conclusão é atribuído a recuperação de um curso durante o mês de: sorbents, as enzimas, os medicamentos que contêm bactérias benéficas, vitaminas.

Controle de destruir os vermes: o exame de fezes com enriquecimento (quando ascaridíase) e a raspagem dos ovos de vermes método da fita adesiva (se o enterobiasis) são atribuídos através de 1,2 e 3 meses.

Lista análise de sangue de anticorpos anti-parasitas, é atribuído através de 3 – 4 meses.
O tratamento triquinose (perigoso para a vida de uma doença) é realizada mebendazole no infecciosa hospital.

A duração do tratamento e pathogenetic terapia depende da gravidade da doença.

Como trazer a pessoa de classe lisos worms (vermes, trematóides)

O tratamento opisthorchiasis realizada no hospital. Isso explica a toxicidade do medicamento – de praziquantel e a probabilidade de tóxico-alérgica efeito de decadência sob sua influência.

Curso preparatório é feito em casa e tem a duração de 7 – 14 dias. Aceitam choleretic, enzimas, sorbents, antiespasmódicos. Para proteger o estômago são prescritos medicamentos supressores do ácido clorídrico. São obrigatórios os anti-histamínicos antes de hospitalização.

No primeiro dia de estadia no hospital é dado praziquantel, a dose é calculada de acordo com a massa do corpo. Em seguida, é realizada a intravenoso desintoxicante, é executado terapêutico duodenais de sensoriamento remoto.

Dentro de um mês após a alta doente aceita choleretic, medicamentos para a protecção do fígado, medicamentos de bactérias benéficas. Algumas vezes é realizada de saúde de sensoriamento ou cego de drenagem.

Verificação de exames de bile são executadas por meio de 3 e 6 meses.

Como trazer a pessoa de fita sem-fim (cestodes)

tratamento sem-fins

O tratamento teníase, a carne de infecção por tênia, o gimenolepidoz, o difillobotrioz também é realizada no hospital. Anteriormente aplicado fenasala – droga, destruindo os vermes, e o extrato masculino samambaia, tem vermífugo efeito. A última droga mais seguro, mas menos eficaz. Atualmente, ambos os medicamentos para o tratamento não é recomendado.

O tratamento equinococose – só cirúrgica.

Antes da operação, e depois de realizada de longa duração (até 28 dias) tratamento de drogas. Isso ajuda a evitar a entrada de larvas após a abertura de cistos em tecidos vizinhos.

Como exibir os vermes intestinais em humanos folclóricas meios

Há um monte de remédios para destruir os vermes: o absinto, à escultura de abóbora semente, extrato de casca de álamo, nogueira preta. O mais popular medicamentos de extrato de casca de álamo. Estes vegetais ferramentas contêm substâncias biologicamente ativas – bioflavonóides, com suave efeito contra o parasita. Ele aceleram a eliminação de vermes do corpo.

Assim pode ser tratada de opisthorchiasis e outras infestações causadas vermes, após o fracasso do uso de drogas curso de vermifugação.

De preparação e de recuperação de cursos tais como se médico tratamento. O curso básico é feito em casa, durante 14 dias.

O tratamento helminthic infestações de plantas de medicamentos do bem, que pode ser repetido várias vezes, sem danos para o organismo.

Quanto melhor trazer vermes intestinais em humanos: medicamentos ou folclóricas meios?

Este problema é resolvido individualmente.

A escolha em favor do tratamento medicamentoso:

  • O tratamento é realizado pela primeira vez;
  • O corpo da jovem, não tem idade contra-indicações aos medicamentos;
  • Não exacerbações de doenças crônicas e do plano de fundo.

A escolha em favor de uma tentativa de trazer vermes intestinais em humanos, utilizando preparações de plantas medicinais:

  • O tratamento foi realizado mais de uma vez e não deu o efeito;
  • O médico suspeitar de outros tipos de infecção;
  • Surgiu indesejado lado fenômeno da droga;
  • Um paciente de mais idade, existe a possibilidade vasculares reações adversas;
  • O medo antes de tomar este medicamento medicamento.

Somente após a avaliação de todos os "prós" e "contras" o médico toma a decisão, que pode e o que não é desejável tratar de uma pessoa específica.

Conclusão

É possível exibir o doente sem-fins e como rapidamente vai lidar com essa tarefa – depende de várias condições:

  • Preciso diagnosticar: primário ou reinfecção, repetida a infestação por vermes (talvez quando opisthorchiasis);
  • Avaliação da capacidade de tratamento médico drogas considerando contra-indicações;
  • Adequada selecção do medicamento;
  • O cálculo correto da dose pelo peso corporal;
  • A atribuição de preparação e reabilitação de cursos de tratamento na íntegra;
  • Oportuno laboratorial e instrumental controle de cura.

Quando fracassos tratamentos repetidos em um ano. O tratamento da mesma médico droga, mais de três vezes indesejável.

prevenção

Preparações de plantas medicinais, se eles têm, pelo menos parcial, de efeito, é possível atribuir mais de três vezes, para realizar cursos de tratamento duas vezes por ano – até a cura completa da infestação parasitária.

05.12.2018